MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
20/11/2017
14 de julho de 2016 às 17h39 | Geral

Casa da Mulher Brasileira atende mais de 84 mil atendimentos em mais de um ano

A Casa da Mulher é um espaço público pioneiro que funciona 24 horas todos os dias

Por: Assessoria

Primeira a ser inaugurada no Brasil, a Casa da Mulher Brasileira de Campo Grande, Mato Grosso do Sul, registrou em seu relatório de fluxo de atendimentos a marca de 84.050 atendimentos realizados a 16.466 mulheres no período de 3 fevereiro de 2015 a 30 de junho de 2016. Neste intervalo, o balanço demonstrou o total de 1.318 prisões decretadas, a expedição de 3.368 medidas protetivas e a lavratura de 11.180 boletins de ocorrência.

De acordo com a secretária municipal de Políticas para as Mulheres, Leyde Pedroso, “os dados nos mostram a importância de continuarmos um trabalho focado nas políticas específicas de enfrentamento à violência contra a mulher”.   

 O setor psicossocial da Casa, princípio básico do atendimento humanizado por realizar a escuta qualificada da mulher que busca romper o ciclo de violência, contabilizou 14.174 atendimentos neste mesmo período. O alojamento de passagem, essencial àquelas mulheres que necessitam de abrigo provisório por estarem sob ameaça de morte, recebeu 627 mulheres. Já a brinquedoteca, que oferece monitoria e alimentação para a permanência dos filhos de 0 a 12 anos enquanto a mulher realiza o atendimento, acolheu em suas instalações o total de 2.599 crianças.

A Guarda Municipal, que está à frente do projeto Patrulha Maria da Penha – um serviço de visita e apoio a mulheres sob medidas protetivas –, foi responsável por 5.907 atendimentos entre visitas a domicílio, acompanhamento por telefone e ocorrências. No setor de transportes, disponível 24 horas para acesso à rede de atendimento externa, houve 473 deslocamentos de mulheres. E a área de autonomia econômica, responsável pelo encaminhamento ao mercado de trabalho por meio da FUNSAT, realizou 414 atendimentos neste período de fevereiro de 2015 a junho de 2016.    

A Casa da Mulher Brasileira é um espaço público pioneiro que funciona 24 horas todos os dias, inclusive sábados, domingos e feriados, e visa à proteção integral, ao empoderamento e à autonomia das mulheres. Conjunto articulado de ações entre União, Estado, Distrito Federal e Município, concentra uma série de serviços especializados para o atendimento integral e humanizado às mulheres em situação de violência.

Oferece os serviços de Acolhimento e Triagem; Atendimento Psicossocial; Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM); 3.ª Vara de Violência Doméstica; Ministério Público; Defensoria Pública; Tribunal de Justiça; Autonomia Econômica (FUNSAT); Guarda Municipal; Central de transportes; Alojamento de Passagem; e Brinquedoteca.        

A Prefeitura de Campo Grande, por intermédio da Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres (SEMMU), realiza a gestão administrativa da Casa da Mulher Brasileira. É responsável pela administração, atendimento psicossocial, brinquedoteca e alojamento de passagem.

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas