MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
19/04/2018
20 de fevereiro de 2018 às 11h05 | Geral

Com lançamento da Jucems Digital, abertura de empresas no Estado pode ser feita online

A Jucems atua em 22 municípios de forma física

Por: GOV MS
Divulgação/GOV MS

A partir dessa segunda-feira (19.2) os serviços disponíveis na Junta Comercial de Mato Grosso do Sul podem ser feitos a qualquer momento via internet. Menos burocracia e mais agilidade estão entre as vantagens da Jucems Digital, lançada nesta tarde pelo governador Reinaldo Azambuja e o titular da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro), Jaime Verruk.

A Jucems atua em 22 municípios de forma física e nos outros 57 para se abrir uma empresa era preciso viajar até a cidade mais próxima que ofereça o serviço. A partir de agora empresários e contadores de todos os 79 municípios de Mato Grosso do Sul têm acesso ao sistema, online e a qualquer momento. Além disso, em 48 horas a resposta do pedido estará disponível para o solicitante.

O governador Reinaldo Azambuja lembrou que quando assumiu o Governo em 2015 o tempo para abertura de empresa era de 37 dias e estabeleceu aos secretários uma meta para que esse período fosse reduzido. “Hoje o processo de abertura demora 17 dias e com o sistema online vamos reduzir ainda mais esse tempo, sem a necessidade do ir e vir, sem papel. O sistema modernizou o serviço, encurta caminhos e facilita o acesso da população”.

Destacou ainda o empenho de sua equipe em apresentar resultados. “Isso faz parte dos cumprimento de contratos de gestão que foram assinados pelos secretários com a sociedade, as pessoas que demandam melhorias no serviço público. Nesses três anos tivemos 75% desses contratos cumpridos”, disse ao citar o licenciamento ambiental que também cresceu no ranking, como lembrou o secretário-adjunto da Semagro, Ricardo Senna.

O secretário de Estado da Semagro e presidente do Conselho Administrativo da Jucems, Jaime Verruck, ressaltou que o sistema online vai continuar simultâneo com o antigo por seis meses, para que nesse tempo seja feita a capacitação dos contadores para que se adaptem ao novo modelo.

“Os contadores são peças fundamentais nesse processo e por isso o foco está neles também, para que os treinamentos sejam eficientes e a transição rápida. E já trabalhamos com o próximo passo, que é integrar a Jucems com as prefeituras, para que a emissão de alvarás seja mais eficiente e isso já está sendo conversado com Campo Grande”, disse o secretário.

Mudanças

O diretor-presidente da Jucems, Augusto César de Castro, lembrou que com o sistema online será utilizado a assinatura digital para dar segurança ao processo. “Totalmente digital e seguro. Isso garante segurança jurídica e tranquilidade aos empresários, que vão encontrar no site da Jucems tutoriais para auxiliar na hora de utilizar o sistema”.

Augusto ressaltou que o processo de análise e aprovação continua o mesmo, o que muda é apenas a burocracia que reduz. A expectativa é de que o pedido possa ser inserido no site em até três horas e em 48 horas a Junta fará a análise e dará um posicionamento à demanda.

Representante do CRC, Lochaine Evelin Rodrigues, afirma que o processo agiliza muito o trabalho do contador e o resultado final. “Quando precisamos trabalhar com papel é mais caro e demorado, o sistema online da celeridade ao empresário e ao contador, encurta o tempo de espera e os gastos”.

Superintendente do Sebrae, Claudio George Mendonça, destacou a importante parceira com a Jucems que tem rendido frutos nos últimos três anos. “Simplificação para abertura de empresas que vai chegar a todos os municípios, assim como é feito na Rede Simples. Facilita o processo e dinamiza a economia”. Claudio ainda parabenizou o governador pela escolha da equipe, que gera frutos positivos ao Estado.

Vice-presidente da Jucems e representante da OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil de MS), Rodolfo Souza Bertin, lembrou que a agilidade melhora também o trabalho dos advogados e que com o sistema a Junta Comercial se adequa ao trabalho que já é feito por outros órgãos.

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas