MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
17/09/2019
26 de abril de 2019 às 20h45 | Geral

Curso de capacitação garante mais eficiência nas compras públicas

O curso tem carga horária de 40 horas

Por: PMCG

O prefeito Marquinhos Trad, acompanhado  do diretor-geral de Compras e Licitação, Ralphe Cunha, na noite desta sexta-feira, 26, participou do encerramento do Curso de Capacitação em Compras oferecidos aos servidores da Diretoria-Geral de Compras e Licitação (Dicom).

Marquinhos destacou que a capacitação foi para todos os funcionários da Dicom, comissionados e servidores municipais oferecido pela empresa de treinamento avançado  de licitações e contratos do grupo Negócios Públicos, com carga horária de 40 horas.

“Todos nós tempos que aprender com que tem capacidade de ensinar e com este curso os servidores vão conhecer melhor o funcionamento das licitações e contratos e dar mais agilidade nos trabalhos. É um curso muito bom. Quando o funcionário quer ele consegue sobrepor nas coisas mais simples e também nas coisas mais complexas”, disse Marquinhos  frisando que o trabalho em equipe rende muito mais do que individualmente.

De acordo com diretor-geral de Compras e Licitação, Ralphe Cunha o curso foi ministrado pela empresa Negócios Públicos, com referência Nacional em capacitação na área de licitações e promotora de eventos de renome no setor como, por exemplo, o Congresso Brasileiro de pregoeiros, que já está na 14° edição.

 “Com esta capacitação, a Dicom pretende valorizar o servidor público, ampliar a qualificação técnica dos certames processados pela Prefeitura e trazer maior segurança jurídica a todos os envolvidos nas compras públicas municipais”, diz Ralphe Cunha.

O secretário Municipal de Gestão, Agenor Mattiello disse que o curso foi destinado para 65 lotados na Dicom, setor que há mais de dez anos não recebia capacitações deste porte.

“O conteúdo programático contemplou temas como: Sistema de Registro de Preços, Contratação direta, Lei complementar 123/06,  Aplicação de penalidades, Cotação/Reserva orçamentária, Obras e Serviços de engenharia e Vícios mais comuns nos contratos de compras e serviços”, finaliza Mattiello.

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas