MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
11/12/2017
29 de junho de 2016 às 13h48 | Política

Deputada do MS questiona relatório da ONU e defende solução para conflitos indígenas

O questionamento foi feito durante pronunciamento da parlamentar na tribuna da Casa

Por: Assessoria
Guilherme Martimon

Nesta terça-feira (28) a deputada sul-mato-grossense, Tereza Cristina (PSB-MS), usou a tribuna da Câmara dos Deputados para comentar o relatório das Organizações das Nações Unidas (ONU), sobre o conflito de terras em Mato Grosso do Sul.

Integrante da Comissão Parlamentar de Inquérito que investiga a Funai e Incra, a deputada fez um alerta para que todos os lados do problema sejam observados. '' De fato, a violência é sempre lamentável, principalmente quando resulta em mortes e causa incomensuráveis prejuízos à integridade física e moral de cidadãos brasileiros. No entanto, a verdade precisa ser dita e a realidade do Mato Grosso do Sul necessita ser compreendida, para que, de uma vez por todas, consigamos adotar medidas efetivas na solução do conflito.', relembra a deputada ao contra argumentar a posição da relatora da ONU, Victoria Tauli- Corpuz, que diz na publicação replicada em vários jornais e revista de que teria ''previsto” a tragédia quando visitou a região do conflito. Este é um lado da história, disse a parlamentar, mas é preciso ver a situação como um todo. ”

No final, Tereza Cristina lembrou que é passada a hora de uma verdadeira trégua, onde cessariam as invasões para a retomada dos processos de demarcação de terra indígena. Nesse sentido “o Congresso Nacional seria fundamental para a aprovação das reformas e a pacificação de toda a região”.

 

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas