MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
06/12/2019
29 de julho de 2019 às 11h01 | Cultura

Escolas em tempo integral trocam experiências exitosas no “Autoria Café e Prosa”

Professores, estudantes, coordenadores, direção e técnicos, reuniram-se para momentos de reflexão, melhoria e práticas cotidianas das Escolas da Autoria

Por: Adersino Valensoela Gomes Junior - Site SED

Encerraram, sexta feira (26.7), as atividades do “Autoria Café e Prosa”, no Centro de Formação Mariluce Bittar. O evento, promovido pela Secretaria de Educação de Mato Grosso do Sul, por intermédio da Gerência de Ensino Médio em Tempo Integral (GEMTI), abordou, nos dois dias, com professores, estudantes, coordenadores, direção e técnicos, momentos de reflexão, sobre as práticas cotidianas importantes para o crescimento e melhoria das Escolas da Autoria.

O “Autoria Café e Prosa” teve como principal objetivo, de acordo com a gerente de Ensino Médio e Tempo Integral, (GEMTI), Maria Gorete Siqueira Silva, proporcionar momentos de troca de experiências entre as 27 escolas participantes do Programa de Ensino Médio em Tempo Integral, intitulada Escola da Autoria, “além de uma avaliação do processo de implantação, por meio da análise dos desafios, e proposições de soluções possíveis, possibilitando o replanejamento das ações serem desenvolvidas para o último semestre”, enfatiza Gorete.

Secretária de Estado de Educação, Cecilia Motta relatou a importância da Escola da Autoria no Mato Grosso do Sul, “a palavra autoria, nos remete a autoria para vida, o professor é autor de políticas públicas, os estudantes são autores da sua aprendizagem, isto é gratificante, estamos a serviço do estudante, nosso salário é pago para atendê-los, quando recebemos a notícia do avanço do nosso Mato Grosso do Sul, sendo o estado com maior inserção no Brasil, de jovens, entre 15 a 17 anos, matriculados no Ensino Médio, nos gratifica e demonstra que estamos no caminho certo”, enfatiza secretária Cecilia.

Secretária mencionou ainda, que esteve em Brasília, reunida com embaixador Britânico Vijay Rangarajan, onde o Reino Unido estará investindo em 06 estados da federação na Língua Inglesa, “em outubro estará ajudando a escrever o currículo do Ensino Médio na BNCC e Mato Grosso do Sul será um dos parceiros da embaixada britânica, que estará quatro anos dando a formação da Língua Inglesa social”, finalizou Cecilia Motta.

No “Autoria Café e Prosa” teve a participação de estudantes matriculados na Escola da Autoria que compartilharam suas experiências exitosas sobre o desenvolvimento do protagonismo juvenil no cotidiano escolar, bem como, os desafios enfrentados até então, entre eles, os representantes da Escola Amélio de Carvalho Baís, Pietra Costa e Debora Cristina (1º ano do Ensino Médio), Carolina Cristaldo (3º ano) e Ana Valoide (2º ano do Ensino Médio).

“A Escola da Autoria está sendo primordial para nossa formação, de termos responsabilidade de forma independente e ter sucesso profissional e pessoal”, enfatiza Pietra. Para Débora Cristaldo, que já está na Escola da Autoria desde o primeiro ano no Ensino Médio, disse que, “os três anos de projeto de vida fez corrermos atrás para construção do nosso futuro, hoje a escola é mais unida em prol ao protagonismo, é incrível”.

Outra estudante que esteve participando do “Autoria Café e Prosa” foi a estudante do 1º ano do Ensino Médio, Kedna Jaqueline, da Escola Padre Constantino em Maracaju, “ Nossa escola é uma grande família, nossos professores estão empenhados em nos ajudar na escola, no projeto de vida e para nos encaminhar para a universidade, conforme nossas vocações, está nos ajudando bastante a ser protagonista de nossa história, super apoio quem quiser ir”, finaliza Kedna Jaqueline.

“A metodologia de “word café” utilizada, permitiu um elevado nível de interação e promissora conversa de todos os participantes, que conhecem a síntese das discussões dos grupos, conectam-se e desenvolvem as suas ideias, tornando visível os esforços e a inteligência coletiva”, menciona coordenador de Políticas para o Ensino Médio e Educação Profissional, Davi de Oliveira dos Santos. Além das escolas da Autoria, participaram a Gerência de Ensino Médio em Tempo Integral, representantes de setores da SED, Coordenadorias Regionais de Educação (CREs) e o Instituto de Corresponsabilidade pela Educação (ICE), parceiro da Secretaria de Estado de Educação no processo de implantação das escolas de Ensino Médio em Tempo Integral, através do modelo denominado Escola da Escolha.

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas