MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
11/12/2017
14 de dezembro de 2016 às 11h24 | Polícia

Fronteira de Corumbá terá policiamento reforçado no fim de ano

Representantes da Polícia Nacional da Bolívia garantiram ações integradas na fronteira

Por: NotíciasMS
Notícias MS

A Polícia Militar montou um patrulhamento ostensivo e preventivo para o fim de ano em Corumbá e Ladário, colocando na rua todo o efetivo do 6º Batalhão – incluindo parte dos administrativos e o reforço de policiais enviado pelo Comando-Geral – para garantir mais segurança principalmente nas áreas comercial e bancária nas duas cidades fronteiriças.

O plano especial de combate à criminalidade no período foi apresentado pelo comandante do 6º Batalhão da PM, tenente-coronel César Freitas Duarte, em ato realizado na Associação Comercial e Empresarial de Corumbá, com a presença de representantes de unidades militares do Departamento de German Bush, que integra as cidades bolivianas situadas na fronteira.

“Vamos garantir um fim de ano tranquilo, para que brasileiros e bolivianos possam fazer suas compras com total segurança e o comércio tenha um monitoramento diuturno ou enquanto estiver aberto”, disse o comandante do batalhão, acrescentando que as operações serão realizadas de forma conjunta até o dia 3 de janeiro, com a Guarda Municipal de Corumbá e Ladário as forças policiais da Bolívia.

onforme explanações do tenente-coronel Freitas, o policiamento especial atuará fortemente no quadrilátero comercial de Corumbá, formado pelas ruas 15 de Novembro, Cuiabá e Antônio Maria Coelho e a Avenida General Rondon, bem como na parte alta da cidade, com rondas a pé e motorizada e abordagens diuturnas. “Estamos mudando nossas estratégias em áreas pontuais, neste período, para garantir maior segurança comercial e à população”, explicou.

Além dos policiais que serão enviados pelo Comando-Geral da PM para reforçar o policiamento, o 6º Batalhão empregará armamentos, munições e equipamentos recebidos da secretaria estadual de Justiça e Segurança, dentre os quais fuzis calibre 5.5.6, coletes, escudos, granadas e capacetes. Estes materiais foram expostos durante a apresentação do plano de policiamento especial.

“São equipamentos que suprem uma grande demanda da nossa unidade, permitindo, a curto prazo, um trabalho de segurança com resultados ainda melhores do que em 2016”, disse o comandante Freitas, ressaltando que as estatísticas apresentaram uma redução da criminalidade este ano na região. “As ações integradas com a guarda municipal e os comandos policiais da Bolívia tem surtido excelentes resultados”, pontuou.

As estatísticas policiais deste ano demonstram, por exemplo, que o número de roubos e furtos na região caiu de 226, em 2015, para 135 este ano. Em relação a roubo de motocicletas, houve 121 ocorrências em 2016, enquanto em 2015, foram 188. A incidência de roubo de veículos caiu: 46 registros em 2016 e 71 no ano passado. A apreensão de armas sem registros também foi menor: 95, em 2015, e 64, em 2016.

Participaram da apresentação do plano de policiamento especial o coronel Hugo Justiniano Anês, comandante da Polícia de Fronteira, o capitão-naval Javier Torrico Vaga, do 5º Distrito da Armada Naval, de Gérman Bush, e o coordenador regional do Governo do Estado Gérson Prata.

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas