MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
25/08/2019
08 de junho de 2019 às 09h14 | Geral

MS vence batalha da atração de empresas no Brasil

Localização e incentivos atraem empresas para o MS

Por: GOV MS

A localização estratégica de Mato Grosso do Sul e o tratamento exemplar dado pelo poder público à iniciativa privada têm atraído, cada vez mais, empresas e investimentos para o Estado. Nesta sexta-feira (7), durante a inauguração da fábrica de ração da Kelco em Selvíria, o presidente da indústria, Lars Reibel, falou do ambiente favorável para os negócios que o governador Reinaldo Azambuja tem criado em MS.

“Passamos por vários municípios e estados no processo de escolha do local para instalar a fábrica. Ficou claro, para nós, que Mato Grosso do Sul era o local correto. O Estado está no meio da produção de proteína animal e vegetal – nossa matéria prima. Além disso, nos receberam muito bem, com tratamento diferente e exemplar que não acontece em outros locais. Esse é o modelo de relação dos setores público e privado que o Brasil deve seguir”, afirmou o empresário.

Segundo Reinaldo Azambuja, Mato Grosso do Sul tem a melhor legislação para atração de empresas e investimentos no Brasil. “Estamos abrindo as portas do Estado e mostrando nossas potencialidades. Sempre convidamos empresários para investir aqui”, destacou o governador.

O canal de informações e diálogo aberto pelo Governo com investidores também é decisivo para a instalação de indústrias em MS, opinou o secretário Jaime Verruck (Semagro). “O governador tem se preocupado em criar uma relação mais próxima com empresariado. Aqui se estabeleceu uma relação muito direta, tanto dos secretários quanto do governador, para buscar esse desenvolvimento”, explicou. “Acreditamos que através do investimento privado nós vamos gerar qualidade de vida e renda necessária para o crescimento da população e do MS”, emendou.

Com R$ 45 milhões em investimentos, a Kelco, indústria do segmento pet care, construiu em Selvíria uma fábrica de snacks e rações para cães e gatos. A capacidade de produção da unidade chega a 150 toneladas/mês – com geração imediata de 120 empregos diretos, podendo alcançar a marca dos 200 empregos diretos com a ampliação das atividades.

Tilabrás

Também em Selvíria, a empresa Tilabrás investe R$ 200 milhões na produção e processamento de tilápia no Rio Paraná. Os trabalhos iniciaram em 2017 com a projeção de produzir, a partir de 2023, 100 mil toneladas por ano de pescado. No planejamento da diretoria ainda está a construção de frigorífico com capacidade de processamento de 10 mil toneladas de peixe/ano e de uma unidade de processamento de peixe para fazer farinha e óleo.

Nesta sexta-feira (7), o governador Reinaldo Azambuja visitou o local. “A Tilabras vai ser, nos próximos anos, o maior complexo de pescado do Brasil, gerando emprego, oportunidades e crescimento econômico nessa região da Costa Leste. Todo o pescado vai ser criado, abatido e industrializado aqui. Isso é muito positivo para todos nós”, contou o gestor.

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas