MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
20/09/2017
20 de abril de 2016 às 10h34 | Meio ambiente

No feriado, PMA intensifica fiscalização para prevenir crimes ambientais

A pesca predatória e todos os crimes ambientais durante feriado prolongado serão prevenidos

Por: Da Redação
Divulgação

Com o aumento do fluxo de pescadores nos rios de Mato Grosso do Sul por conta do feriado prolongado, a Polícia Militar Ambiental vai desenvolver ações para prevenir a pesca predatória e todos os crimes ambientais

Três equipes de Campo Grande estarão itinerantes, em áreas mais críticas, fiscalizando todos os tipos de crimes e infrações ambientais e duas equipes reforçam Subunidades do interior.

Os Comandantes das 25 Subunidades da PMA estarão intensificando a fiscalização em suas respectivas áreas. Serão desenvolvidas também barreiras e combate ao desmatamento e carvoarias irregulares, extração e transporte de madeira e carvão ilegais e outros crimes contra a flora. Também combate à caça, tráfico de animais e outros crimes contra a fauna.

Transporte de produtos perigosos e outros crimes ambientais e também serão desenvolvidos trabalhos especiais preventivos aos crimes contra a flora e fauna com visitas preventivas às propriedades rurais.

O Posto Avançado localizado na Cachoeira do Sossego, no rio Aquidauana, em Rochedo, montado durante a piracema, continua funcionando, em razão do alto índice de pesca predatória na região.

A PMA alerta os pescadores a não utilizarem petrechos proibidos e que não é permitido pescar nos Rio Salobra, localizado em Miranda e Bodoquena, no Córrego Azul também em Bodoquena. Proibido pescar também no Rio da Prata em Bonito e Jardim e no Rio Nioaque.

 

 

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas