MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
18/11/2017
14 de setembro de 2016 às 15h44 | Geral

Planejamento de gestão gera transparência, diz gestor em apresentação de case do Governo de MS

O evento reuniu histórias de sucesso de planejamento nos meios público e privado

Por: NotíciasMS
Divulgação/Notícias

“O setor público passa por uma crise de gestão e tenta recuperar credibilidade. Precisamos abrir espaço para entendê-lo porque ele afeta a vida de todo mundo. Queremos passar a mensagem do quanto é necessário que o Estado pense em gestão. Porque a falta de gestão gera falta de transparência”. Com esse recado, o superintendente de Planejamento e Gestão da Secretaria de Estado de Governo e Gestão Estratégica (Segov), Thaner Nogueira, iniciou a apresentação do case ‘Contrato de Gestão’.

A palestra faz parte do Workshop Boas Práticas de Gestão realizado pelo Sebrae na manhã desta quarta-feira (14), na sede da instituição. O evento reuniu histórias de sucesso de planejamento nos meios público e privado e é uma realização conjunta com o Movimento Brasil Competitivo (MBC).

Nogueira detalhou o planejamento implementado pelo Governo do Estado desde o início da gestão de Reinaldo Azambuja. “Antes de optar por qualquer modelagem, procuramos entender o grau de maturidade do setor público em relação à adoção de um sistema de planejamento para a administração pública”, destacou.

Desde o ano passado, as 13 secretarias e a Procuradoria Geral do Estado (PGE) fazem um detalhamento antecipado das ações anuais e assinam com o governador os contratos de gestão. Nesse pacto estão descritas as metas de realizações, com prazos para execução. Em 2015, 65% das 115 metas programadas foram atingidas. Para este ano o planejamento soma 196 iniciativas, as quais estão tendo sua execução monitoradas.

“O governo trabalha em cima de um mapa estratégico construído com a participação da sociedade civil e as estratégias são formatadas com o prazo de validade do PPA (Planejamento Plurianual), ou seja, para o período de 2016 a 2019”, detalhou. Entre os propósitos do trabalho de desenvolvimento do conceito de gestão está o de sensibilizar também o cidadão para seu papel de acompanhar o que está sendo planejado e executado.

Um dos pontos importantes do planejamento e execução de ações está na reunião quadrimestral realizada entre os secretários e o governador. “Tira da inércia e gera sinergia das secretarias, que agora já estão até desenvolvendo seus próprios planejamentos estratégicos”, detalhou.

Entre os pontos nevrálgicos está o envolvimento dos servidores no processo. Nesse sentido, o Governo do Estado estabeleceu um plano de reconhecimento e ampliação de competências para o funcionalismo. “Não cabe mais gente no setor público, então a saída é rever os processos e trabalhar a gestão”, sintetizou Nogueira. Sem esquecer que é preciso dar mais eficiência para a operacionalidade na hora da execução. “Estamos mexendo em área que são complexas, como a modernização do processo de compras”, exemplificou.

Plano de Gestão

O Plano de Gestão é um documento elaborado pelas secretarias do governo estadual com o planejamento das obras e realizações prioritárias. Segue orientação do Plano Plurianual (PPA), elaborado pelo poder público estadual ano passado a partir das diretrizes gerais a serem seguidas até o final do mandato de Reinaldo Azambuja. Os Planos de Gestão contém ações práticas, com os prazos de entrega e forma de comprovação definidas, e foram elaborados com supervisão da Secretaria de Estado de Governo e Gestão Estratégica (Segov).

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas