MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
17/11/2017
22 de setembro de 2017 às 16h41 | Geral

Prefeitura garante novas cadeiras de rodas para alunos da educação especial

A iniciativa é feita em parceria com a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae)

Por: PMCG
Divulgação/PMCG

Na semana em que as atenções estão voltadas para a Luta das Pessoas com Deficiência, as famílias de 26 estudantes da Rede Municipal de Ensino – Reme tiveram um gesto voltado para garantia de sua dignidade ao receberem da prefeitura de Campo Grande cadeiras de roda que vão beneficiar alunos dos Ceinfs até o 9º ano do Ensino Fundamental. A iniciativa é feita em parceria com a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae).

Agilidade, facilidade para deslocamento e conforto foram os atributos destacados pela mãe da estudante da educação especial Lavínia (8 anos), ao comentar sobre a nova cadeira de rodas. “A cadeira dela estava velha e já não desmontava mais. Eu precisava carregá-la no colo para fazer o deslocamento o que fica difícil. Agora tudo fica mais fácil. A Semed ajuda muito a gente com essa atenção para as crianças especiais. A gente se sente cuidada”, disse a dona de casa Rosa Rodrigues, que mora com a família no Bairro Tijuca II.

Já a mãe do Reginaldo Costa Souza (12 anos) – que estuda na Escola Municipal Nagen Jorge Saad , falou do cuidado e preparo da equipe da prefeitura para lidar com as crianças especiais. “Estou em Campo Grande há um ano. Vim de Cuiabá e lá não recebia esse atendimento. Eu é que tinha que correr atrás das coisas para ele. Aqui na Semed é diferente, a equipe quem faz todo o encaminhamento e nos orienta e direciona para ter acesso aos serviços e isso ajuda muito a gente. Só tenho a agradecer esse olhar responsável da administração porque está fazendo a diferença na vida da minha família e tenho certeza de que das demais também”, relata a contadora Poliana Irani, que mora no Jardim Montevidéu.

No total, nos últimos oito meses de gestão, já foram entregues 36 cadeiras que estão em uso nas escolas da Reme. Além disso, outras 20 que já foram prescritas estão em processo de compra. Com isso, 82 alunos estão sendo assistidos e tendo sua locomoção garantida.

O prefeito Marquinhos Trad ressalta que a garantia da acessibilidade e qualidade de vida da população, em todas as faixas de idade, é prioridade da atual gestão de Campo Grande.

 “Uma das primeiras decisões quando assumimos a administração de Campo Grande foi criar uma coordenadoria para tratar da Pessoa Com Deficiência (PCD). É obrigação do poder público oferecer as ferramentas e instrumentos para que as famílias que cuidam de um ente com qualquer tipo de deficiência ou necessidade especial vivam com dignidade. Esse evento de hoje serve para agradecer as famílias das nossas crianças da educação especial, funcionários da Semed e equipe da Apae, que foram escolhidas a dedo por Deus de acordo com o bem que podem fazer ao próximo. Isso sim merece reconhecimento e podem contar com a prefeitura para fazer com que não apenas as crianças, mas toda a população que possui algum tipo de deficiência tenha assegurados seus direitos”, assegura o chefe do Executivo.

O presidente da Apae, Antônio José dos Santos Neto, falou da importância da parceria do município para atender as famílias que precisam de apoio para cuidar de pessoas com deficiência. “A prefeitura é uma parceira importante da Apae, que ajuda no atendimento a essas famílias, que precisam de apoio para terem acesso aos serviços. Sozinhos não fazemos nada, nem a Apae, nem a prefeitura, nem as famílias que precisam desse apoio. Esse evento aqui hoje reforça a vontade em avançarmos para melhorar a vida das pessoas”, disse.

A Procuradora de Justiça Jaceguara Dantas da Silva Passos participou da entrega nesta manhã e aproveitou o momento para destacar a postura da nova administração municipal, que tem aproximado a prefeitura da população. “Além de reafirmar o compromisso do Ministério Público na defesa das crianças e pessoas com deficiência eu quero aqui destacar que ações como esta de hoje aproxima a prefeitura das crianças, dos pais e da população. Isso sim é cidadania”, pondera a magistrada.

O objetivo da parceria entre a prefeitura e Apae é desenvolver ações que assegurem a qualidade de vida e a acessibilidade dos alunos. Por isso, diariamente, as equipes da Divisão de Educação Especial da Semed percorrem as unidades escolares para realizar um levantamento das crianças que necessitam tanto de atendimento clínico, quanto de material adaptado.

Através da parceria com a Sesau, os alunos atendidos pela Educação Especial têm sido encaminhados e regulados pelo sistema (Sisreg). São oferecidos atendimentos clínicos, avaliação diagnóstica, audiometria, potenciais evocados auditivos de tronco cerebral e indicação de cadeiras de rodas, órteses e próteses.

Desde março, 40% dos alunos da educação especial já foram atendidos através do projeto de acessibilidade e inclusão desenvolvido em parceria com a Semed e Sesau.

A titular da Semed, Ilza Mateus, acredita que facilitar o acesso das crianças da Educação Especial aos  instrumentos para atender suas necessidades físicas e comportamentais contribui significativamente com o desenvolvimento delas.

 “É indispensável que tenhamos esse olhar no sentido de oferecer às crianças com deficiência ou com algum tipo de necessidade especial o que elas precisam para que possam ter assegurado o direito ao seu pleno desenvolvimento. A cadeira de roda, por exemplo, precisa ser trocada pois vai ficando pequena para o aluno e passa a não atender as necessidades dele. Esse instrumento é importante para o aluno, a família e as equipes que apoiam as crianças pois facilita o dia a dia e promove a acessibilidade desses estudantes que têm em nossa administração um olhar bastante carinhoso e especial”, pondera a secretária.

O secretário municipal Marcelo Vilela fez questão de destacar as ações intersetoriais da nova administração pública, que neste caso da parceria da Semed e Sesau garante tanto a educação quanto a saúde da pessoa. “Precisamos buscar as soluções para garantir que os serviços cheguem à população. Esse é o papel de todos nós que estamos na prefeitura e as secretarias estão focadas neste objetivo, e unidas para promover a inclusão das pessoas. A gente constrói é com a inclusão e é isso que viemos afirmar aqui hoje”, disse.

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas