MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
12/12/2017
21 de fevereiro de 2017 às 11h34 | Geral

Prefeitura retoma manutenção em vias não pavimentadas

Prefeitura está retomando a manutenção dos 1.100 quilômetros de vias não pavimentadas

Por: PMCG
Divulgação/PMCG

Após alguns ajustes contratuais com as empresas prestadoras de serviço, a Prefeitura de Campo Grande está retomando, de forma gradativa, a manutenção dos 1.100 quilômetros de vias não pavimentadas, serviço que estava parado há mais de seis meses.

Depois do trabalho no trecho intransitável de 485 metros da rua Jerônimo de Albuquerque,  outras vias do  Bairro Nova Lima, Jardim Colúmbia e na Chácara dos Poderes.

Há ainda em andamento o patrolamento e revestimento primário em trechos de duas ruas (dos Gonçalves e dos Pereiras) no Jardim Morenão, proximidades do Museu José Antônio Pereira.  No Residencial José Teruel, está sendo concluído o rebaixamento de uma das ruas, para evitar o alagamento das casas construídas abaixo do nível da pista. Também está no planejamento, como prioridade, o Jardim Noroeste e o Bairro Rita Vieira.

O trabalho na região da Chácara dos Poderes deve se estender por pelo menos uma semana, se o tempo colaborar. Basicamente, está sendo feito o patrolamento, cascalhamento de alguns trechos, além da limpeza das caixas de contenção, (por onde escoa a enxurrada, evitando a formação de erosão).

A intervenção abrangerá toda a extensão da estrada que é usada como itinerário dos veículos que levam e trazem crianças e adolescentes que estudam nas escolas municipais Elpídio Reis (na Mata do Jacinto) e Consulesa Margarida Maksoud Trad (no Estrela Dalva).

A situação ficou tão crítica que na primeira semana do ano letivo, iniciado no último dia 6, os três veículos do transporte escolar que fazem a linha ficaram retidos. Em alguns pontos, a enxurrada ficou acumulada. Em outros, o aterramento foi levado, abrindo valetas intransponíveis. “Ficamos ilhados”, resume o professor Ardjuna Munes de Oliveira (que dá aulas na Elpidio Reis), morador da região há 11 anos.

 

 

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas