MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
26/09/2018
29 de dezembro de 2017 às 12h36 | Geral

Prefeitura vai instalar 500 abrigos de ônibus e recapear ruas Calógeras e Bahia

O investimento será de R$ 9,5 milhões

Por: PMCG
Divulgação/PMCG

O primeiro semestre de 2018 será de muitas obras em Campo Grande. A Prefeitura vai licitar, ainda no primeiro trimestre, a instalação de 500 abrigos de ônibus e investirá mais R$ 9,5 milhões para o recapeamento, chamado tecnicamente de requalificação, das ruas Calógeras e Bahia.

A Calógeras receberá três quilômetros de recapeamento, entre as avenidas Mato Grosso e Eduardo Elias Zahran. Já a Bahia, terá requalificação de 1,8 quilômetros, entre a Afonso Pena e Coronel Antonino.

São trechos dos corredores norte e sul do transporte coletivo, que além de receber o novo pavimento, terão padronização de calçadas, sinalização semafórica, readequação e implantação (onde não houver) da drenagem.

O recapeamento integra o Plano de Mobilidade Urbana de Campo Grande e tem recursos contratados (em torno de R$ 110 milhões) há cinco anos e que em 2017 começaram a sair do papel, com implantação do corredor sudoeste, com o recapeamento das ruas Guia Lopes, Brilhante, Gunter Hans e Bandeirantes, numa extensão total de 12 quilômetros.

Para o diretor da Agetran, apesar das dificuldades, por conta de pendências herdadas pela atual gestão, o ano de 2017 foi extremamente positivo em termos de trabalho.

“Resolvemos o problema do congestionamento na rotatória das avenidas Nelly Martins e Mato Grosso, com a implantação do projeto de reordenamento que estava emperrado há quase dois anos. O plano de mobilidade urbana começou a sair do papel com a implantação do corredor sudoeste do transporte coletivo.  Houve a substituição de 12 semáforos, foi revitalizada boa parte da sinalização, instalados centenas de abrigos de ônibus”, detalhou.

Balanço

Em 2017, a Agetran reforçou a sinalização (vertical e horizontal) no entorno de 138 escolas; implantou 395 faixas de pedestre, 12 conjuntos semafóricos; sinalizou 40 pontos de conflitos no sistema viário e realizou a sinalização vertical e horizontal nos bairros Santa Carmélia, Noroeste, Pioneiros, Jardim Colonial, Santa Ursúla, Centenário, Morenão, Roselândia e Terra Morena.

A Agetran também regularizou a situação dos ambulantes e abriu licitação para 365 novos alvarás de taxi e mototaxi. Além disso, cobrou do Consórcio Guaicurus a substituição e ampliação da frota do transporte coletivo, com a chegada de 91 ônibus; instalação de 106 abrigos, além de reparos (como a instalação de lâmpadas de led) nos terminais.

 

 

 

 

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas