MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
25/08/2019
30 de junho de 2019 às 10h12 | Cultura

Programação de cinema do FIB contempla escolas e assentamentos

Já o público jovem e adulto será contemplado com filmes nacionais

Por: GOV MS

O cinema estará presente na 18ª edição do Festival de Inverno de Bonito. Crianças, jovens e adultos poderão assistir a filmes nacionais e regionais produzidos pelos nossos cineastas e também a exibições com recursos de acessibilidade. É a magia do cinema chegando pertinho do público do festival, em escolas, assentamentos e na cidade de Bonito.

Os filmes nacionais “Encantados”, “Lino”, “Tito e Os pássaros” e “Sobre Rodas”, foram selecionados visando ao público infantil, jovem, e às famílias. “São filmes que exploram temas apropriados para eles, despertam a imaginação, abordam assuntos importantes para a sociedade como a natureza, lendas e folclores, o medo e a inclusão social”, diz Lidiane Lima, do Núcleo de Artes Visuais da FCMS.

Já o público jovem e adulto será contemplado com os filmes nacionais “Benzinho”, “Lixo Extraordinário” e “Teu mundo não cabe nos meus olhos”. Tratam de temas importantes do dia a dia, da família, da vida em comunidade. “O filme ‘Lixo Extraordinário’ já foi exibido durante o Festival em 2011. Foi selecionado novamente em comemoração à 20ª Edição do Festival, por ter sido o filme que mais contou com a presença do público. Foi necessário, na época, que abrir uma sessão extra”, afirma Lidiane.

Os filmes regionais selecionados por edital para exibição durante o Festival são: “Boas vindas”, de Ara de Andrade Martins; “As Invenções de Akins”, de Ulísver Silva; “Fujona – Em busca da liberdade”, Lú Bigatão; “Irmãos de Alma”, de Filipi Silveira; “Rema Tour – Bonito MS 2018”, de Pedro Henrique Subtil e “À Procura de Marçal”, de Caroline Cardoso e Natália Morais.

As sessões começam no dia 20, e na programação pré-festival, até o dia 24, acontecerão em escolas municipais de Bonito, do distrito Águas do Miranda e do Assentamento Projeto Guaicurus.

No sábado, dia 26 de julho e no domingo, dia 27, as sessões serão acessíveis: o filme “Sobre Rodas” (26/7 às 9h) terá recursos acessíveis para cegos e surdos e logo após a sessão haverá um bate papo com o diretor do filme, Mauro D’Addio. Para a exibição de “Teu mundo não cabe nos meus olhos” do dia 27, às 9 horas, haverá intérprete de libras e após a sessão também acontecerá um bate-papo com especialistas em acessibilidade cultural. As sessões acessíveis estão abertas para o público de instituições que trabalham com pessoas com deficiência e também ao público em geral.

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas