MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
22/09/2017
23 de maio de 2017 às 09h19 | Geral

Rede Simples será integralmente implantada em MS até agosto

O sistema permite abertura, alteração, baixa e legalização de empresas na Junta Comercial

Por: GOVMS
Divulgação

Todas as soluções para agilizar, facilitar e descomplicar a abertura de empresas estarão implantadas e em operação nos diversos órgãos públicos integrados com a Junta Comercial e Empresarial de Mato Grosso do Sul (Jucems) pela Rede Simples até agosto deste ano. A garantia é do presidente da Jucems, Augusto Cesar de Castro, que recebeu nessa segunda-feira (22.5) diretores da Junta Comercial de Minas Gerais, estado que auxilia Mato Grosso do Sul na implantação do sistema.

A Rede Nacional para a Simplificação do Registro e Legalização de Empresas e Negócios (Rede Simples) é um sistema integrado que permite a abertura, alteração, baixa e legalização de empresas na Junta Comercial de Mato Grosso do Sul. Atualmente está implantada na Capital e em mais 23 municípios e compartilha dados de diferentes órgãos da administração estadual e federal, como Receita, Vigilância Sanitária, Meio Ambiente, Corpo de Bombeiros, entre outros.

O sistema possibilita que o empresário faça todos os procedimentos para abertura ou alteração cadastral de uma empresa em um mesmo local, de forma mais ágil. Em Minas Gerais a Rede Simples reduziu de seis meses para pouco mais de uma semana o trâmite para abertura de uma firma, exemplificou o diretor de Gestão da Informação e Modernização da Junta Comercial de Minas Gerais (Jucemg), Alex Barbosa.

Alex expôs em reunião no Sebrae, o estágio de implantação da Rede Simples em Mato Grosso do Sul. O trabalho começou há quatro anos, mas ganhou agilidade nos últimos dois anos por determinação do governador Reinaldo Azambuja, que pretende ver o sistema implantado e em operação nos principais municípios de Mato Grosso do Sul o mais breve possível.

“Até junho vamos fazer a integração de dados com a Receita Federal e em seguida interligar a Rede com os órgãos de licenciamento ambiental, vigilância sanitária e Corpo de Bombeiros. O objetivo, ainda, é expandir a rede para mais 10 municípios (hoje são 24), com isso vamos saltar da 16ª para os primeiros lugares do ranking nacional da desburocratização”, explicou o presidente da Jucems.

O presidente da Jucemg, José Donaldo Junior, acompanhado do diretor do Departamento de Registro Empresarial e Integração (DREI) do Ministério de Desenvolvimento, da Indústria e Comércio, Conrado Fernandes, e de Layla Caldas da Silva, do Sebrae Nacional, estiveram com Augusto Castro na Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro) nessa egunda-feira e foram recebidos pelo secretário adjunto da pata, Ricardo Senna, quando traçaram um panorama do trabalho já desenvolvido para implantar a Rede Simples no Estado.

E no Sebrae, eles se reuniram com representantes de diversos órgãos, entidades e instituições que integram o Subcomitê da Rede Simples em Mato Grosso do Sul. A reunião também teve por objetivo explicar o andamento do trabalho, traçar as metas e esclarecer dúvidas sobre o funcionamento do sistema.

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas