MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
20/11/2017
07 de fevereiro de 2017 às 15h27 | Geral

Representantes de sindicatos realizam reunião para debater pacote de medidas do governo de MS

Os representantes dos servidores acreditam que o pacote possa refletir de forma negativa na carreira do servidor

Por: Assessoria
Divulgação

O grupo de trabalho, que representa servidores públicos das carreiras de atividades da administração direta e indireta de Mato Grosso do Sul, se reuniu nesta segunda-feira (6) na sede da Feserp (Federação Sindical dos Servidores Públicos Estaduais e Municipais de MS) para redigir um documento que pede conhecimento do pacote de medidas proposto pelo governador Reinaldo Azambuja para redimensionar a estrutura do Estado e garantir a manutenção do equilíbrio fiscal, antes que essas medidas cheguem a Assembleia Legislativa para votação dos deputados.

Os representantes dos servidores acreditam que o pacote possa refletir de forma negativa na carreira do servidor público, uma vez que o Governo já sinalizou mudanças na contribuição e que os índices podem acompanhar os reajustes em nível nacional, balizando os percentuais dos demais estados como no caso de Mato Grosso do Sul.

“Esse processo de mexer na estrutura do governo não pode refletir no servidor público já que o Governo fala que o corte de despesas e pessoal será inevitável. Outro tema que muito preocupa nossas categorias é o da reforma da previdência. Em pauta no pacote o governador Reinaldo já sinalizou que pode haver aumento da contribuição previdenciária”, explica o presidente da Feserp, José Ferreira ao dirigir o encontro.

O ofício, elaborado pelos representantes dos sindicatos estaduais que pede conhecimento prévio do texto antes que seja oficialmente anunciado e encaminhado à Assembleia Legislativa do Estado, foi encaminhado ontem mesmo ao governo.  

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas