MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
21/09/2017
01 de junho de 2016 às 12h34 | Saúde

Universidades e faculdades terão de fazer campanha contra a gripe

Agora, a SES contabiliza oficialmente mais seis mortes pela doença

Por: OEMS

Faculdades e universidades públicas de Mato Grosso do Sul terão de implementar campanhas de prevenção contra a gripe.  O governo do Estado tem até sexta-feira (3) para responder ao MPE (Ministério Público Estadual) as recomendações feitas para garantir a prevenção da gripe e combater a circulação do vírus Influenza. A SES (Secretaria de Estado Estadual de Saúde) tem dez dias para a execução de ações e campanhas de comunicação voltadas à conscientização também nas escolas da Rede Estadual de Educação, universidades e faculdades públicas e privadas.

Também foram recomendadas, com urgência, medidas administrativas necessárias de gestão junto ao Ministério da Saúde para a obtenção de doses da vacina de imunização contra o vírus influenza A e B, além da renovação dos estoques do medicamento Tamiflu. A Prefeitura de Campo Grande recebeu as mesmas recomendações, as ações têm de ser direcionadas às escolas da Reme (Rede Municipal de Ensino) e aos lares de convivência para idosos.

De acordo com a assessoria de imprensa do MPE, para fazer a recomendação, a Promotora de Justiça levou em consideração o crescente número de casos confirmados de infecção pelo vírus influenza A e B, além das mortes em decorrência da infecção, conforme dados do Boletim de Situação Epidemiológica divulgado pela secretaria no dia 18 de maio, já que as recomendações foram feitas na quarta-feira (25). À época dos pedidos feitos pelo Promotoria, o número de óbitos chegou a 20 até o dia 17 de maio. Agora, a SES contabiliza oficialmente mais seis mortes pela doença.

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas