Menu
Busca sábado, 22 de junho de 2024

Brasil e Venezuela no combate ao crime organizado

25 janeiro 2012 - 18h24

Os governos do Brasil e da Venezuela unirão forças para combater o crime organizado e o tráfico de drogas, consolidando as metas do Conselho de Defesa da América do Sul (CDS). A iniciativa foi confirmada hoje (25) pelos ministros da Defesa, Celso Amorim, e Henry Rangel Silva (Venezuela), durante reunião, em Caracas.
Durante a conversa, os ministros disseram que pretendem ampliar a cooperação na área de defesa e intensificar a segurança nas fronteiras.

Rangel Silva disse que a relação entre Venezuela e Brasil segue de "forma extraordinária". "Estamos fortalecendo essa integração que é tão necessária", sem a qual "não iria conseguir nada", disse o ministro venezuelano.

Amorim acrescentou que essa reunião marcou uma sequência de conversas anteriores com o presidente venezuelano, Hugo Chávez. "Na defesa, o Conselho de Defesa da América do Sul tem provado ser muito importante para a cooperação em matéria [de defesa de ações contra] o crime organizado e tráfico de drogas, assim como a cooperação industrial", disse.

Na reunião de hoje, os ministros discutiram também sobre o treinamento militar mútuo. O assunto será tema de conversa, em março, de integrantes do Estado-Maior das Forças Armadas dos dois países.


Karla Lyara/Fonte:Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

Centro de Convivência nos Jogos Escolares de MS promove novas amizades entre estudantes-atletas
Apoiada pela Msgás, Maratona de Campo Grande tem 3 mil atletas confirmados
Reeducandos de MS produzem bolas oficiais para campeonatos e atletas com deficiência visual
Para fomentar a economia, Sidagro atua em conjunto com o Consórcio Central no fortalecimento do SIM