Rivemat
Menu
Busca sábado, 15 de maio de 2021

Procon divulga pesquisa de preços de velas e flores para feriado de Finados

31 outubro 2017 - 15h17Por GOV MS

A Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon/MS), ligada à Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast), divulga nesta terça-feira (31.10) a pesquisa de flores e velas para o Dia de Finados. O levantamento realizado na Capital aponta variação de até 617% nos preços pesquisados em 10 floriculturas e seis supermercados.

A pesquisa foi realizada de 18 a 27 de outubro e pode ser consultada no site do Procon/MS, no item Pesquisa de Preços ou por aqui (pesquisa flores e pesquisa supermercados). Foram incluídas no levantamento as flores mais populares na data, como crisântemos, flores do campo, margaridas, rosas brancas e coroas de flores, entre outras. No total são 40 itens, especificados por tipo e tamanho de flores e quatro tipos de velas, pesquisadas somente nos supermercados.

O objetivo da pesquisa realizada pelo Procon/MS é oferecer aos consumidores valores de referência quanto aos preços praticados em Campo Grande para que o consumidor saiba identificar qualquer abusividade no Dia de Finados.

Segundo o superintendente do Procon/MS, Marcelo Salomão, com o aumento da procura por flores e velas nessa data, os preços desses produtos tendem a subir e variar muito de um estabelecimento para outro. “A pesquisa pretende oferecer uma base para ajudar o consumidor na compra. A recomendação é ficar atento às diferenças de preço”, enfatiza.

De acordo com o levantamento do Procon, o produto que mais apresentou variação foi a flor Kalanchoe (vaso médio), com 617% de diferença de um estabelecimento para outro, com preços entre R$ 3,90 a R$ 28. O levantamento também aponta os estabelecimentos com maior número de itens de menor e maior preço.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Consórcio Brasil Central autoriza assinatura de contrato para importação da vacina Sputnik V
Novo lote de Coronavac vai acelerar imunização com segunda dose
Levantamento da Agraer abriu caminho para entrega de 1,1 mil títulos em assentamentos no MS
Nova fábrica vai alavancar economia de Ribas do Rio Pardo, avaliam moradores e comerciantes