Rivemat
Menu
Busca sábado, 15 de maio de 2021

Governo firma convênio para incentivar projetos de inovação na área jurídica

09 março 2021 - 17h54Por Portal do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul
Para incentivar e fomentar novos projetos de tecnologia na área jurídica, o Governo do Estado firmou um convênio com a OAB-MS (Ordem dos Advogados do Brasil de Mato Grosso do Sul), para financiar proposta de inovação no setor, como a criação de aplicativos e plataformas digitais.

Esta parceria será feita por meio da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de Mato Grosso do Sul (Fundect), que irá selecionar advogados que, com recursos disponíveis, desenvolverão projetos voltados à inovação no Laboratório de Inovação e Tecnologia Jurídica (LITech) da OAB-MS.

O governador Reinaldo Azambuja fez a assinatura do convênio, nesta manhã, em seu gabinete. “É uma satisfação assinar com a OAB-MS este convênio, onde vão trabalhar com inovação, para modernizar e avançar, com o objetivo de criar novas ferramentas e plataformas tecnológicas para advocacia de Mato Grosso do Sul”, descreveu.

Ainda citou que o papel da Fundect é justamente apoiar projetos de inovação em todos os segmentos, que neste caso vai permitir a criação de ferramentas de cunho jurídico e ainda modernizar as atividades da Ordem. “Esta transferência de recursos é nossa função, para contribuirmos com novas oportunidades e projetos inovadores. Só aqui no governo já desenvolvemos mais de 78 plataformas digitais”, revelou o govenador.
Convênio

O convênio terá um aporte financeiro de R$ 559.200,00, por um período de 30 meses. O secretário estadual de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Jaime Verruck, explicou que a intenção é financiar projetos de tecnologia para o setor jurídico, com a seleção de advogados “bolsistas”, que vão receber recursos para desenvolver as propostas.

“Eles vão realizar os projetos no laboratório da OAB e depois levarão as iniciativas para o Poder Judiciário, que podem modernizar o setor e melhorar a atuação dos advogados”.

Verruck destacou que a prioridade do governo investir em tecnologia e transformação digital. “Inovação só se faz com conhecimento, para isto precisa investir no capital humano”. O diretor-presidente da Fundect, Márcio de Araújo Pereira, acrescentou que o objetivo é fomentar este ambiente de inovação.

“Já investimos mais de R$ 3,6 milhões para criação de novas ideias e tecnologias, e agora vamos contribuir nas questões jurídicas. A OAB já dispõe de um laboratório de tecnologia para desenvolver estes projetos”, afirmou Araújo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Consórcio Brasil Central autoriza assinatura de contrato para importação da vacina Sputnik V
Novo lote de Coronavac vai acelerar imunização com segunda dose
Levantamento da Agraer abriu caminho para entrega de 1,1 mil títulos em assentamentos no MS
Nova fábrica vai alavancar economia de Ribas do Rio Pardo, avaliam moradores e comerciantes