Menu
Busca sexta, 24 de maio de 2024

Detentos trabalham em obras do Aquário do Pantanal em busca de ressocialização

01 agosto 2014 - 21h34Por Mariana Rodrigues/Informações TJMS

 Detentos dos regimes aberto e semiaberto estão trabalhando na construção do Aquário do Pantanal, maior obra pública no Estado de Mato Grosso do Sul na atualidade.

Atualmente, 90 atuam na obra, por meio de um convênio da empresa responsável com a Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen) e o Conselho da Comunidade de Campo Grande.

 Para o preso do regime aberto, André Aparecido da Silva, 33 anos, que trabalha há cinco meses nesta obra, o mais importante de trabalhar nesta construção é ser reconhecido hoje como um trabalhador e não como um preso. “Hoje eu tenho satisfação de acordar cedo e poder vir para o meu lugar de trabalho e depois levar o melhor para os meus filhos, minha esposa e minha família”.

André recebe um salário, vale-alimentação, vale-transporte e uma cesta básica. “Hoje eu estou no regime aberto e sou registrado pela empresa. Estou aqui na maior obra pública do Estado. E em breve já estou indo pra minha casa voltando com a cabeça erguida”.

O Aquário do Pantanal será o maior de água doce do mundo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Ordem do Dia: Seis proposições são aprovadas pelos deputados estaduais
Saiba quais são os bairros que estão na rota do fumacê nesta quinta
Prefeitura entrega sede própria para Grupamento Especializado de Motopatrulhamento de Campo Grande
Café com os conselheiros regionais do centro acontece neste sábado (25)