Menu
Busca terça, 25 de junho de 2024

Empresário acusado de reptação de armações de óculos recebe Habeas Corpus

21 janeiro 2012 - 14h32

O empresário da Ótica Veneza preso na última quinta-feira (19) acusado de receptação de mercadorias, conseguiu Habeas Corpus na noite desta sexta-feira (20) e saiu do Presídio de Trânsito (PTRAN) na manhã deste sábado (21).


Jorge Donizete teria receptado 478 armações vendidas por Ismael Ribeiro de Souza, que teriam sido roubadas por Márcio Logui dos Santos, que era funcionário da Ótica Diniz. Ismael e Márcio seguem presos.


As armações de venda exclusiva da Ótica Diniz teriam sido vendidas por Ismael por R$ 38 reais cada, e o lucro dividido entre empresário e intermediador.


Algumas armações inclusive já haviam sido revendidas na Ótica Veneza.


No momento da prisão o empresário se mostrou revoltado e negou participação no esquema. O delegado responsável pelo caso, Wellinton Oliveira, quer descobrir a quanto tempo o trio atua.


Jorge e Ismael estão sendo indiciados por receptação qualificada. Já Márcio responderá por furto qualificado.


Helton Verão

Deixe seu Comentário

Leia Também

Lei: Semana de Conscientização sobre a Cardiopatia Congênita é instituída em MS
Semana começa com Funtrab oferecendo 4,4 mil vagas de emprego em todo o Mato Grosso do Sul
Em projeto para "60+" apoiado pelo Governo de MS,
Bombeiros combatem incêndios florestais perto da Estrada Parque e em Porto Murtinho