Menu
Busca sexta, 19 de julho de 2024

Deco e Gaeco fecham fábrica de CDs falsificados na Capital

12 maio 2011 - 14h02


A Delegacia Especializada de Combate ao Crime Organizado (DECO) e o Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (GAECO) fecharam nesta quarta-feira (11), uma fábrica de CDs e DVDs falsificados que funcionava na Vila Jacy, em Campo Grande.

Durante a operação foram apreendidos uma CPU e três torres com dez gravadoras cada, além de 10.700 CDs e DVDs de diversos títulos e artistas que segundo a Deco, já estavam devidamente embalados para a comercialização.

Também foi presa em flagrante uma pessoa de 47 anos, responsável pelo laboratório clandestino.Ela foi autuada com base no crime de violação de direito autoral, que prevê pena de dois a quatro anos de prisão em caso de condenação.

De acordo com a Deco, as investigações revelaram que por dia eram reproduzidos cerca de 500 CDs e DVDs, que depois eram revendidos aos atravessadores por R$ 1 a unidade.


 


Karla Lyara

Deixe seu Comentário

Leia Também

Quer modificar o veículo? CTB prevê que customizações sejam autorizadas pelo Detran
Sala de acomodação sensorial garante espaço reservado para autistas no Bioparque Pantanal
Resiliência: Pantanal Sul-mato-grossense se revela um gigante cheio de vida
Parceria entre governos federal e de MS