Divulgação Fácil
Rivemat
Menu
Busca quarta, 27 de outubro de 2021

Pioneiros na implantação do novo sistema, Detran-MS lança Renave nesta quarta-feira

20 janeiro 2021 - 10h00Por Portal do Governo de Mato Grosso do Sul
A diretora de Controle e Registros de Veículos do Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul), Loretta Figueiredo, explica que com o novo sistema, os veículos dão entrada nas lojas já com a transferência efetivada e com um valor 90% menor do que o habitual. A redução está prevista na Lei Nº 5.622, sancionada pelo governador Reinaldo Azambuja e publicada no Diário Oficial do Estado no dia 17 de dezembro do ano passado.

Essa transferência garante que o antigo dono do veículo não tenha problemas judiciais durante o processo de comercialização do mesmo.

Além disso, o Departamento em Mato Grosso do Sul resolveu que a vistoria dos veículos passa a ser optativa, o que também implica na redução de custos para o cliente.

O presidente da Fenabrave-MS (Federação Nacional das Distribuidoras de Veículos Automotores – Mato Grosso do Sul), José Carlos Chinaglia, acredita que o Renave é um avanço para o nosso Estado. “O Renave dará mais transparência, segurança e ainda vai gerar economia para quem trabalha com compra e venda de veículos, um segmento onde trabalham milhares de pessoas em Mato Grosso do Sul. Esse é um benefício que certamente ajudará nos negócios, impactando positivamente muitas pessoas. Além disso, o consumidor final, aquele que compra ou vende seu veículo, uma motocicleta, um carro de passeio ou um caminhão, terá a segurança de uma transferência ágil e rápida, evitando problemas futuros, como uma multa de trânsito indevida. Estamos muito confiantes que esse é um passo importante para todo o segmento automotivo do nosso Estado”

O diretor-presidente do Detran-MS, Rudel Trindade, ressalta a importância de implementar esse sistema que fará o gerenciamento e controle de veículos, com a finalidade de se criar uma base nacional que possa contemplar a comunicação, registro, controle e acompanhamento das transações comerciais, viabilizando a escrituração eletrônica dos bens em cumprimento ao artigo 330 do CTB (Código de Trânsito Brasileiro).

“Nosso interesse maior é facilitar a vida dos nossos clientes e garantir segurança nas transações com menor custo para todos. Acredito que estamos no rumo certo e já entramos 2021 com uma ótima notícia, destacando nosso Estado mais uma vez como pioneiro na implantação de recursos favoráveis aos nossos clientes”, finalizou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Governo do Estado dá início a construção de quatro pontes em áreas estratégicas de MS
Governo garante R$ 3 milhões para o Centro de Reabilitação de Animais em Corumbá
Governo divulga edital de abertura do Concurso da Polícia Civil com 236 vagas
Mais de 88 mil estudantes serão beneficiados nesta primeira fase do MS Alfabetiza