Menu
Busca domingo, 14 de julho de 2024

Reino Unido cria versão real de jogo FarmVille

10 maio 2011 - 22h14

Projeto baseado na popular ferramenta da rede social Facebook permitirá que os assinantes decidam sobre o cultivo de alimentos e a criação de animais


A National Trust - uma instituição que cuida de conservação ambiental no Reino Unido - está desenvolvendo em uma de suas fazendas uma versão real do popular jogo da rede social Facebook, o FarmVille, segundo informações do site da entidade. No jogo virtual, o usuário interage em uma fazenda simulada, onde o objetivo é evoluir como administrador da propriedade, praticando atividades de plantio, cultivo e colheita, além da criação de animais. 


A versão real, projeto que se chamará My Farm (Minha Fazenda, em português), seguirá os mesmos princípios dos apresentados online. Os jogadores serão assinantes de todo o Reino Unido que poderão interagir, decidindo que alimentos serão plantados ou quais os animais deverão ser criados na propriedade da National Trust. 


Os participantes pagarão cerca de R$ 78 por ano e poderão cuidar remotamente da fazenda, localizada no condado de Cambridgeshire. Hoje, a National Trust está recrutando cerca de 10 mil pessoas que serão os “fazendeiros” do lugar. Segundo o site da entidade, a ideia é “reconectar” as pessoas com os locais onde os alimentos que elas consomem são produzidos. 


A propriedade conta com 4,8 mil quilômetros quadrados e possui espécies raras de ovelhas, bovinos, aves, cavalos e cabras, além de produzir carne, ovos e trigo. O site do projeto terá vídeos sobre a produção na fazenda, câmeras que mostram o desenvolvimento das criações e informações sobre a administração do negócio.


Camila Bertagnolli/ Fonte: Globo Rural

Deixe seu Comentário

Leia Também

Temperaturas permanecem amenas e quinta-feira tem probabilidade de chuva fraca a moderada
Julho das Pretas: governos de MS e Federal debatem ações afirmativas e promoção da igualdade racial
Saúde realiza monitoramento das estratégias de vacinação para pólio e sarampo em MS
Investimento na agricultura familiar sobe 130% em edital de extensão da Fundect