Menu
Busca domingo, 14 de julho de 2024

Consumidores devem ficar atentos com o "Golpe da Lista Telefônica"

12 maio 2011 - 13h20


Entre os diversos golpes já constatados e apurados pela polícia, o mais recente que está sendo registrado não só em Mato Grosso do Sul, mas em outros Estados, é aplicado às empresas denominadas PUBLIC DO BRASIL TELECOM PUBLICIDADE LTDA, ou PUBLICIDADE BRASIL TELECOM ou GLOBO LISTAS PRESTADORA DE SERVIÇOS DE PUBLICIDADE LTDA, ou ainda GLOBO GUIAS LTDA. Todas essas empresas com a mesma caixa postal na cidade de Campinas/SP.


Os autores se passam por representantes da empresa LISTEL, o nome fantasia é PUBLICAR DO BRASIL LISTAS TELEFÔNICAS LTDA, eles fazem contato por telefone com os consumidores dos serviços Listel no Estado ou ainda novos consumidores,  oferecem serviços de divulgação em listas telefônicas, ou ainda se passam por funcionários do setor de cobranças da Listel, na ocasião em que consultam os já clientes, emitindo nova fatura por meio de boleto, com o mesmo valor mensal contratado, só que, em nome das empresas acima nominadas que se assemelham à razão social da Listel.


As investigações preliminares da Polícia Civil apontam que todos os consumidores, acreditando estarem pagando as mensalidades, ou contratando os serviços da Listel efetuam os depósitos e posteriormente descobrem que foram vítimas do golpe, ao receberem cobrança formal da própria Listel ou a não divulgação almejada. 


Por causa desse tipo de golpe a Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra as Relações de Consumo (Decon) orienta aos fornecedores/consumidores que estejam atentos ao contratar serviços de divulgação de produtos e/ou serviços em listas telefônicas, evitando se tornarem vítimas do chamado "Golpe da Lista Telefônica" em suas diversas modalidades.


A Decon ainda vai apurar se existe participação de funcionários da Listel, já que os autores têm acesso aos dados de clientes desta empresa, havendo ainda a necessidade da apuração da omissão da empresa em orientar seus clientes, pois se limita a tão somente eximir-se de responsabilidades quando provocada por órgãos de defesa dos consumidores.
A Polícia Civil pede para que consumidores que foram vítimas do “Golpe da  Lista Telefônica” procurem a Decon, para formalizar as reclamações junto ao Procon visando coibir tal prática ilegal.  A delegacia fica no centro da cidade, na rua 13 de junho, n° 930, telefone 3316-9805, email: [email protected].


 


Ida Garcia/com informações Polícia Civil 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Temperaturas permanecem amenas e quinta-feira tem probabilidade de chuva fraca a moderada
Julho das Pretas: governos de MS e Federal debatem ações afirmativas e promoção da igualdade racial
Saúde realiza monitoramento das estratégias de vacinação para pólio e sarampo em MS
Investimento na agricultura familiar sobe 130% em edital de extensão da Fundect