Menu
Busca domingo, 19 de maio de 2024

Jaula é desmontada e Delegacia terá cela para prisão temporária

31 julho 2014 - 15h51Por Mariana Rodrigues/Informações Idest

 Está em fase de conclusão a obra de adequação de uma sala da Delegacia de Polícia Civil de São Gabriel do Oeste para ser a nova cela de prisão provisória. A obra é realizada pela Associação para o Melhoramento da Segurança Pública (Amesp) em parceria com a Prefeitura Municipal.

De acordo com o presidente da Amesp, Fernando Napp Rocha, a previsão é de que a obra seja concluída até a próxima quarta-feira (06). A nova cela terá banheiro e chuveiro, com um tamanho de 2,5 por 2,5 metros. A "jaula", que era usada para manter os presos foi desmontada e partes serão utilizadas na nova cela, como porta e janela.

Fernando relatou ao Idest, que serão utilizados cerca de R$ 10 mil para adequação da nova cela, recursos da Amesp e da Prefeitura Municipal. O presidente da Amesp irá nesta quinta-feira (31), na Secretaria de Justiça e Segurança Pública do Mato Grosso do Sul (Sejusp-MS), onde solicitará mais recursos para terminar a obra.

Um engenheiro da Sejusp-MS, realizou o projeto e deu as instruções para execução da obra. Fernando destaca também que o Estado já tinha conhecimento do problema, mas nenhuma providência foi tomada a respeito.

"Apesar de não ser de nossa responsabilidade, estamos fazendo a obra por não querer que São Gabriel seja conhecida por uma cidade que não respeita os presos", diz Fernando Rocha, destacando o esforço da Amesp e da Prefeitura em resolver o problema na Delegacia de São Gabriel.

"Gostaríamos que o Estado olhasse para a segurança pública em todos os municípios. Quase todas as delegacias mantém presos, e Delegacia não é cadeia", encerra Fernando Rocha. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Summit Brazil-USA: Mato Grosso do Sul destaca política agroambiental e programa Carbono Neutro
Governo de MS envia insumos e equipe especializada para auxiliar no resgate de animais no RS
Operação Cosud: 333 pessoas presas e 3 toneladas de drogas apreendidas em MS
Avistar Brasil: MS participa do maior evento de observação de aves da América Latina