Rivemat
Divulgação Fácil
Menu
Busca segunda, 27 de setembro de 2021

Saúde suspende vacina da AstraZeneca para grávidas

O Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES), suspendeu de forma preventiva, nesta terça-feira (11), a aplicação da vacina contra a Covid-19 fabricada pela AstraZeneca/Fiocruz em mulheres gestantes nos 79 muni

12 maio 2021 - 05h54Por Portal do Governo de Mato Grosso do Sul

Esta decisão segue orientação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).

Segundo o secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, a SES aguarda posição do Ministério da Saúde. “Vamos esperar a publicação de uma nota técnica do Ministério da Saúde que deverá ser emitida ainda hoje. Assim tomamos o conhecimento, decidimos pela suspensão imediata da vacina AstraZeneca para gestantes que ainda não tomaram a primeira dose no Estado”.

Geraldo Resende lembra que a decisão vale exclusivamente para a vacina AstraZeneca. “Recomendamos que as gestantes façam o uso da vacina da Pfizer que chegaram recentemente ao Estado. E quando estiver disponível a vacina da Coronavac, que possamos fazer o uso deste imunizante também”.

De acordo com o Vacinômetro, 5.224 gestantes tomaram a primeira dose da vacina AstraZeneca e sete a segunda dose em Mato Grosso do Sul. O Vacinômetro ainda aponta que 1.900 gestante tomaram a primeira dose da vacina da Pfizer no Estado.

Confira a nota divulgada pela Secretaria de Estado de Saúde

Seguindo orientações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), esta Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso do Sul (SES/MS), decide paralisar de forma preventiva, nos 79 municípios do Estado, a aplicação da vacina contra a Covid-19, da AstraZeneca/Fiocruz em mulheres gestantes. A SES ressalta que até o presente momento não houve nenhum episódio de reação adversa grave no Estado. Esta decisão segue até que a ANVISA emita nova orientação contrária.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Pantaneiros destacam efetividade do Estado no combate aos incêndios florestais
Fundação do Trabalho oferta 1.953 vagas de emprego em Mato Grosso do Sul
Operação Fronteiras e Divisas I: MS do Sul é responsável por mais de 50% das drogas apreendidas
Novas leis estaduais promovem educação e bem estar econômico-social em MS