Rivemat
Divulgação Fácil
Menu
Busca quinta, 19 de maio de 2022

Fortalecimento de políticas públicas provoca redução de 83,3% nos feminicídios cometidos na Capital

Dados da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública revelam que o número de casos de feminicídios caiu em 83,3%, na Capital, ao longo do ano passado, se comparados com o ano anterior. Foram 12 vítimas em 2020, e duas em 2021.

19 janeiro 2022 - 12h07Por Portal do Governo de Mato Grosso do Sul

Já no restante do Estado a redução foi de -12,8%. Foram 34 vítimas em 2021, contra os 39 casos contabilizados em 2020. E a maioria dos casos de 2021, 20 no total, foram registrados nos municípios na região de fronteira com o Paraguai e a Bolívia.

O fortalecimento das políticas públicas voltadas as mulheres vítimas de violência doméstica, adotada pelo Governo do Estado, e ampliação do acesso a informação, têm contribuído de forma decisiva para essa redução. E ainda contam com o trabalho realizado pelas delegacias especializadas.

Essa mesma redução pode ser observada em outros tipos de crimes contra a vida. Na Capital, os roubos seguidos de morte, por exemplo, caíram -57,1%, os homicídios -9,7% e os homicídios culposos no trânsito em -10%.

Os dados também apontam quedas nos roubos seguidos de morte, sendo de -28,6% na faixa de fronteira e de -35,3% nos números absolutos do estado, que englobam todos os municípios de Mato Grosso do Sul.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Ordem do Dia: Projeto sobre Plano Cicloviário segue à sanção do governo
PROCON MUNICIPAL FISCALIZA DIVERGÊNCIA DE PREÇOS EM FARMÁCIA DA CAPITAL
Campanha "Aqueça uma Vida": Ainda dá tempo de fazer a sua doação
Audiência pública nesta quarta-feira discute concessão de três rodovias em MS