Rivemat
Divulgação Fácil
Menu
Busca sexta, 23 de julho de 2021

Paulo Corrêa visita o Butantan e solicita a Doria doses extras da Coronavac a Mato Grosso do Sul

Reafirmando o compromisso de atuar incansavelmente pela imunização de toda população, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Paulo Corrêa (PSDB), solicitou, nesta quarta-feira (21), ao governador de São Paulo, João Doria (PSDB), o envio de doses

22 julho 2021 - 06h26Por Dicom/Fiems

Acompanhado do presidente da Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul (Fiems), Sérgio Longen, e do vice-presidente, Roberto Faé, Corrêa visitou a sede do Instituto Butantan e conheceu de perto um pouco mais sobre o processo de produção do imunizante, bem como da ButanVac, primeira vacina produzida integralmente no Brasil, e que já obteve autorização da Anvisa para testes. 

Além da visita ao Butantan, Paulo Corrêa também cumpriu agenda oficial na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), e foi agraciado com uma réplica do Monumento às Bandeiras, entregue pelo presidente daquela Casa de Leis, deputado Carlão Pignatari (PSDB), que esteve, no início de julho, em Mato Grosso do Sul. 

A convite do governador João Doria, o parlamentar também esteve no Palácio dos Bandeirantes, sede do Governo paulista, onde foi recebido pelo ex-presidente da Alesp e atual Chefe da Casa Civil, Cauê Macris.

Na avaliação do secretário da Casa Civil, Cauê Macris, a visita foi motivo de muita satisfação. “Conversamos sobre ações voltadas à geração de emprego e de renda, incentivos que o Estado pode fomentar para melhoria da qualidade de vida das pessoas, e a questão da vacina, que é um dos carros chefes para sairmos desse momento difícil que estamos vivendo. A população quer ser vacinada. São Paulo tem feito a sua parte, com o governador João Dória como indutor da vacinação da população brasileira e, também, foi uma oportunidade para eles conhecerem o local de produção da vacina. O Estado de São Paulo está à disposição da população de Mato Grosso o Sul”.

“Foram agendas muito produtivas, onde pudemos estreitar laços em benefício da população de ambos estados, ainda mais nesse momento que vivemos, onde a colaboração e o trabalho conjunto pelo bem do Brasil é que vão nos fazer superar os enormes desafios que temos pela frente”, pontuou Corrêa.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Com valores extremos, umidade do ar em Mato Grosso do Sul se assemelha a de deserto
Em uma semana, 38 municípios de MS não tiveram mortes por covid-19
MS Contrata + abre pré-cadastro para programa de Microcrédito com juro zero
Avanço da vacinação acelera retomada do turismo em Bonito