Menu
Busca domingo, 14 de julho de 2024

Programa do Senar/MS capacita jovens do meio rural

28 abril 2011 - 16h35

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/MS) está selecionando jovens do meio rural, entre 14 e 18 anos, para participar do Programa Jovem Agricultor Aprendiz (JAA).  Com início previsto para junho, a qualificação é oferecida gratuitamente e será realizada inicialmente em Pedro Gomes e Inocência. No total, cada município disponibilizará 45 vagas. Desenvolvida pelo Senar/MS em parceria com os Sindicatos Rurais municipais, a iniciativa já formou 617 jovens do Estado.


O Programa Jovem Agricultor Aprendiz tem o objetivo de contribuir para o desenvolvimento dos jovens do meio rural, incentivando o trabalho no campo. “Uma das premissas do JAA é formar jovens conscientes de suas oportunidades no campo. Para isso, nós oferecemos qualificação profissional com o objetivo de despertar no jovem o empreendedorismo necessário para a administração das atividades rurais”, destacou o superintendente do Senar/MS, Clodoaldo Martins.


Diante da necessidade de levar treinamentos de aprendizagem profissional rural, o Programa foi elaborado para atender jovens que estejam inseridos nas atividades agrossilvipastoris. A iniciativa teve início em Mato Grosso do Sul em 2009, quando formou 293 jovens. No ano passado, 324 adolescentes receberam a qualificação.


Segundo Clodoaldo Martins, ao concluir o curso o jovem deverá ser capaz de perceber a importância da administração rural e da produção agrossilvipastoris. “O principal é fazer com que o jovem reconheça e valorize as possibilidades profissionais que o meio rural oferece”, resume.


Com funciona


Gincanas educativas, música, teatro, entre outros. As ferramentas de interatividade e criação são grandes aliadas da educação. Para uma melhor aprendizagem dos jovens, os instrutores do JAA adotam uma metodologia de ensino diferenciada, incluindo aulas dinâmicas e atividades lúdicas.


O Jovem Agricultor Aprendiz é realizado por meio de oficinas que acontecem 12h por semana no contra turno escolar. No total, o curso tem duração de 204h divididas em 17 semanas. Durante os encontros, os instrutores do Senar/MS trabalham com os alunos conteúdos de gestão pessoal e rural, e disciplinas específicas de agricultura, pecuária e mecanização.


Em cada município haverá duas turmas, uma com 20 e outra com 25 alunos. O curso é supervisionado por um técnico da área pedagógica do Senar/MS com o objetivo de acompanhar o trabalho realizado pelos instrutores e estimular a participação dos alunos. Ao final da capacitação, os alunos precisam ter no mínimo 80% de presença para receberam o certificado de Aprendizagem Rural.


Podem se inscrever jovens que tenham entre 14 e 18 anos incomplestos, que estejam matriculados no ensino regular, e que sejam oriundos do meio rural.O Programa está previsto para acontecer este ano também nos municípios de Nioaque e Ponta Porã.


 


Helton Verão com informações do Senar/MS

Deixe seu Comentário

Leia Também

Temperaturas permanecem amenas e quinta-feira tem probabilidade de chuva fraca a moderada
Julho das Pretas: governos de MS e Federal debatem ações afirmativas e promoção da igualdade racial
Saúde realiza monitoramento das estratégias de vacinação para pólio e sarampo em MS
Investimento na agricultura familiar sobe 130% em edital de extensão da Fundect