Menu
Busca sábado, 22 de junho de 2024

Prédio desaba no RJ e bombeiros buscam por desaparecidos

26 janeiro 2012 - 11h44

Três edifícios desabaram por volta das 20h30 de ontem (25) no Rio de Janeiro. Um deles tinha 20 andares e ficava na avenida Treze de Maio; outro tinha 10 andares e ficava na rua Manuel de Carvalho; e o terceiro, na mesma rua, era uma construção entre os dois. O corpo de um homem, ainda não identificado, foi encontrado pelos bombeiros no local do desabamento.


Nesta manhã, os militares realizam o trabalho em busca de 19 desaparecidos, que podem estar entre os escombros conforme depoimento de testemunhas. Quatro pessoas feridas seguem internadas no Hospital Souza Aguiar da capital carioca.


Testemunhas afirmam que havia um grupo de catadores de lixo trabalhando no local quando a estrutura do prédio maior cedeu e levou junto o outro com 10 pavimentos e um sobrado. Um vigia que trabalhava ali também está desaparecido. Há um cheiro forte de fumaça e de queimado no local, na avenida Treze de Maio, no Centro, logo atrás do Teatro Municipal.


Um posto avançado de informações para familiares de vítimas desaparecidas foi instalado no térreo do prédio da Caixa Econômica Federal, na avenida Almirante Barroso. Na madrugada desta quinta-feira, a prefeitura divulgou um boletim com os trechos de interdição na região central da cidade.


No metrô, as estações Cinelândia, Carioca, Uruguaiana e Presidente Vargas que estavam interditadas pela Defesa Civil foram liberadas e vão funcionar normalmente nesta quinta-feira.


Segundo a prefeitura, o efetivo no local foi reforçado. Mais de 40 agentes da Defesa Civil e da Secretaria Municipal de Saúde estavam na região, tendo como suporte quatro ambulâncias para a remoção das vítimas. Aproximadamente 200 homens da CET-Rio e da Guarda Municipal orientavam o trânsito na região.


Ana Maria Assis/ Com informações do Terra

Deixe seu Comentário

Leia Também

Centro de Convivência nos Jogos Escolares de MS promove novas amizades entre estudantes-atletas
Apoiada pela Msgás, Maratona de Campo Grande tem 3 mil atletas confirmados
Reeducandos de MS produzem bolas oficiais para campeonatos e atletas com deficiência visual
Para fomentar a economia, Sidagro atua em conjunto com o Consórcio Central no fortalecimento do SIM