Menu
Busca terça, 23 de julho de 2024

Dívida pública cresce 1,4% e chega a R$ 1,69 trilhão

25 abril 2011 - 17h05

A dívida pública federal cresceu 1,39% em março e alcançou R$ 1,69 trilhão, segundo dados divulgados pelo Tesouro Nacional nesta segunda-feira.


 


Já a dívida interna subiu 1,6% e soma R$ 1,61 trilhão e a dívida externa encerrou março em R$ 83,53 bilhões (US$ 51,28 bilhões), redução de 2,63% em relação a fevereiro.


 


Os títulos com remuneração prefixada corresponderam a 34,56% do total da dívida em março, contra 33,63% no mês anterior.


 


Já os títulos corrigidos pela Selic tiveram a participação reduzida para 32,34%, contra 33,33% em fevereiro.


 


O percentual de títulos indexados a índice de preços expandiu de 28,05% para 28,33%.


 


No mês passado, houve uma emissão líquida (emissão de títulos menos o resgate) de R$ 6,87 bilhões.


 


O custo médio acumulado nos últimos 12 meses foi de 11,76%, ligeiramente acima dos 11,7% registrados em fevereiro.


 


A participação de estrangeiros na dívida interna foi de 11,38% em março, contra 11,39% em fevereiro.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Quer modificar o veículo? CTB prevê que customizações sejam autorizadas pelo Detran
Sala de acomodação sensorial garante espaço reservado para autistas no Bioparque Pantanal
Resiliência: Pantanal Sul-mato-grossense se revela um gigante cheio de vida
Parceria entre governos federal e de MS